quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

FORRAÇÃO: CARPETES

Depois de quase dois meses de espera, finalmente recebemos os carpetes que serão utilizados para a forração interna do Fusca (caixas de ar e rodas, cangalha, chiqueirinho).

É um gray-green, correto para a cor Polar Silver que utilize a forração dos bancos em tecido. 

Infelizmente, a caixa que armazenava os carpetes chegou ao Brasil toda molhada, tendo sido constatado, inclusive, diferença de peso na embalagem entre a Alemanha e o Brasil. Por precaução, lavamos como todo cuidado os carpetes para que não manchassem.

Secando. Torcendo para que não ficassem manchados.

Parte no varal. A boa notícia é que conseguimos - graças ao capricho e cuidado de minha esposa - salvar a forração. Agora, pronta para ser levada ao tapeceiro.

BUZINA

Recebemos semana passada essa buzina, original, para ser instalada no veículo. Infelizmente, ao testá-la, não estava funcionando. Iremos tentar restaurá-la para trazê-la de volta à vida.

Feito pela empresa alemã HELLA e 6 volts. Parte de trás é toda feita em baquelite.

Detalhe do logo VW na borda da parte traseira.

Terminais de parafusos.

Já aberta.

O mecanismo interno está, em aparência, muito bom. Porém, iremos tentar polir, com todo o cuidado, o platinado para testar se irá funcionar. Em breve mais notícias.

MACACO

Macaco, após leve processo de restauro.

Made in Germany. Ao lado esta inscrição, o logo VW.

Detalhe "ab" no macaco.

Feito pela Bilstein, empresa alemã fornecedora da VW.

No local.

BANANINHA

Após muita luta, tivemos de desistir da instalação das bananinhas da marca SHO. Ela estava com problemas na bobina, esquentava muito e não tinha força para levantar. A opção foi colocar um par de indicadores de direção novos, agora da marca SWF.

Apesar de algumas marcas do tempo, as peças são novas. Precisamos, somente, pintar a capa externa da cor da carroceria. Lembremos que esse veículo não é CKD e, portanto, a parte externa da bananinha dever ser pintada na cor do carro. Só os CKD possuem essa capa preta.

Já instalada no local.

Funcionando feito guri novo!

TAMPA DA BATERIA

Tampa da bateria. Metálica.

Na parte interna uma proteção feita com uma espécie de papelão grosso.

Detalhe da etiqueta na parte interna: peça original VW.

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

CABO DO VELOCÍMETRO

Instalamos o cabo de velocímetro.

Com a porca correta e logo VW na ponta do cabo.

Coifa do cabo do velocímetro que vai instalada próxima à roda. Peça original, com logo VW.

Vista lateral da coifa.

Aproveitamos para instalar a calotinha do cubo da roda no lado direito também.

Como está o estágio atual da montagem do nosso besouro.

MANGUEIRAS DE AR QUENTE

Instaladas as mangueiras de ar quente na parte frontal do veículo.

São mangueiras metálicas, originais.

Mangueiras que ligam as muflas ao interior da carroceira também no lugar.

Detalhe do par de mangueiras traseiras.

As mangueiras originais são levemente quadriculadas.
 
Perceba o pequeno logo VW na mangueira de trás.

CERA PROTETORA

Resolvemos aplicar uma cera protetora em alguns pontos do carro, para prevenir o aparecimento, no futuro, de pontos de oxidação.

O produto utilizado foi na marca TUTELA, um protetor de chassi. Esse produto também foi aplicado no interior do túnel.

Aplicando na parte interna das portas.
 
Entre as chapas na parte de trás do Fusca.

Nas longarinas de teto.

Na lateral traseira, parte inferior.

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

ANTI-RUÍDO DO BANCO TRASEIRO

Conseguimos adquirir um anti-ruído original VW que vai no banco traseiro. Como esse anti-ruído é dos Fuscas mais modernos - veja aberturas para cinto de segurança - tivemos que fechar esses orifícios com material idêntico, também original, que deveria, a princípio, ser instalado no assoalho do chiqueirinho.

Anti-ruído original VW que será utilizado, em parte, para o capô dianteiro do Fusca. De suas sobras, utilizamos para fechar o anti-ruído do banco traseiro.

Peça ainda na embalagem original VW.

Depois de tampado os "buracos" é hora da colação do anti-ruído no local.

Muita paciência nessa hora.


Tivemos de abrir dois novos locais para que os parafusos de fixação da carroceria ficassem visíveis, tal qual no original.

Detalhe do anti-ruído e a abertura dos parafusos da carroceria.

Já instalado no lugar.

Exceto pelas mudanças aqui descritas, a peça já vem moldada perfeitamente para ser instalada no local.